O Rotary Club Jávea organiza uma exposição solidária no combate à poliomielite

aCABADO
Data de início12 outubro 2019
Data de finalizaçãoNovembro 10 2019
LugarSalões do Yacht Club de Jávea

O Rotary Club de Jávea organiza uma exposição fotográfica, com fins de solidariedade, por Fili Navarrete, fotógrafo baseado em Jávea, e com a colaboração do Yacht Club. A exposição será inaugurada no próximo sábado, 12 de outubro, a partir do horário 19.30, nos corredores do Clube Náutico de Javea e você pode visitar até o 10 de novembro.

Os benefícios obtidos com a venda das fotografias serão destinados ao programa mundial de erradicação da poliomielite que, por muitos anos, foi lançado pela Fundação Rotária Internacional.

A amostra, intitulada Aves marinhas, é dedicado às gaivotas que chegam ao pôr do sol que acompanham os barcos de pesca no retorno ao porto. Os pescadores jogam restos de peixe no mar e é quando um grande número de gaivotas se apressa para aproveitar o ritual diário da festa. As gaivotas parecem, às vezes, ter consciência de sua importância ao oferecer-nos cenas chocantes: dançam na água, lutam entre si por suas presas e capturam sua comida em movimento.

O próprio Navarrete enfatizou que capturar esses momentos “Foi um trabalho de muitas semanas de dedicação”, momentos que capturaram nos arredores do porto de Xàbia durante este ano. O Rotary Club de Jávea agradece ao fotógrafo seu envolvimento na organização desta exposição, pois as fotos e a montagem são doadas por esse profissional para fins solidários da exposição. Bem como para Clube Náutico de Javea Isso cedeu suas instalações.

Grande trabalho para erradicar a poliomielite

O dia 24 de outubro é comemorado em Dia Mundial da luta contra a pólio, uma doença que há muitos anos era um problema de saúde pública real até que uma vacina eficaz fosse alcançada e quase eliminou a doença em todo o mundo. Atualmente, existem focos apenas em países 2, Afeganistão e Paquistão.

No entanto, existe um risco significativo de recorrência de epidemias em vários países da África, com conflitos armados sendo propícios à recorrência de epidemias. Embora exista apenas um caso, o risco é evidente. É por isso que campanhas ativas de vacinação são mantidas em todo o mundo - também nos países considerados desenvolvidos - resultando em um alto custo econômico que no terceiro mundo é apoiado por doações de organizações como o Rotary International.

As zonas de conflito com diferenças culturais, sociais e religiosas estão dificultando o trabalho das equipes encarregadas da vacinação, especialmente nesses dois últimos países. Portanto, devemos continuar a contribuir com fundos para lutar contra isso.

Charla

Nesse sentido, o Rotary Club anunciou que, em outubro próximo, o 22, pediatra Luis Santos, dará uma palestra ao 8 à tarde no salões de Carrasco sobre a situação atual da poliomielite no mundo e as dificuldades que causaram a recuperação de casos nos últimos dois anos.

artigos relacionados

Comentários sobre "O Rotary Club Jávea organiza uma exposição solidária para o combate à pólio"

(Obrigatório)

26.478
1.711
4.952
447
Utilizamos cookies próprios e de terceiros para oferecer publicidade personalizada e coletar dados estatísticos. Se você continuar navegando, consideramos que você aceita nossos política de biscoitos.