Jávea.com | Xàbia.com
Pesquisar um artigo

Benitatxell adere a 'Libraries in Equality' para tornar visível e valorizar a autoria feminina

Novembro 21 da 2019 - 12: 53

A Câmara Municipal de El Poble Nou de Benitatxell quer recuperar e tornar visível a autoria feminina e valorizar as grandes mulheres que a visão androcêntrica da sociedade apagou da nossa história e da nossa cultura, por isso adere ao projeto 'Bibliotecas em igualdade'.

Ele fará este sábado, novembro 23, durante o 'Café da manhã entre mulheres e livros', enquadrado nas atividades do 25N. O município lerá e assinará o manifesto de adesão. Para isso, contará com a presença de Marina Gilabert, secretária geral de Clássicos e Modernos, associação dirigente das 'Bibliotecas em Igualdade', e Pepita García, membro poblera do coletivo e que promoveu essa ação no município.

Com esta iniciativa, o Departamento de Políticas de Igualdade, Gênero e Diversidade, liderado por Victor Bisquert, pretende disponibilizar a todos os moradores do município as informações e ferramentas necessárias para divulgar o trabalho de mulheres pioneiras em muitas áreas e que não foram reconhecidas o suficiente para isso.

“Nossa sociedade tem uma dívida com todo esse conjunto de mulheres criativas que nem estudam em livros didáticos nem tiveram visibilidade suficiente ao longo da história. Com esta pequena ação, na qual a bibliotecária municipal, Lola Bolufer, trabalhou muito, queremos tornar mais fácil para todas as pessoas desfrutar de uma cultura mais rica e completa ”disse Bisquert.

Projeto 'Bibliotecas em Igualdade'

'Libraries in Equality' é um projeto nacional iniciado há um ano. Conta com o apoio do Ministério da Cultura por meio de seu Plano de Promoção da Leitura, pois entende-se que as bibliotecas são parceiros estratégicos para o cumprimento da Agenda 2030 e a implementação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), entre Aqueles encontraram igualdade de gênero. Para isso, inclui a adesão a um manifesto, diferentes atividades para promover a leitura de mulheres escritoras e o compromisso de completar as coleções bibliográficas com uma perspectiva de gênero.

Deixe um comentário