Jávea.com | Xàbia.com
Pesquisar um artigo

Rosa Cardona (PP) afirma diante do CEDMA «ressurgir economicamente com os recursos próprios que esta região possui»

Maio 14 da 2020 - 10: 40

Rosa Cardona, juntamente com o deputado regional, prefeitos e porta-vozes do Partido Popular da Marina Alta, se reuniram com o CEDMA, o Círculo Empresarial da Marina Alta. Na reunião, foi proposta e justificada a preocupação que eles compartilham sobre a atual situação econômica, tanto da crise econômica causada pela crise de saúde do COVID 19, quanto das deficiências anteriores para reativar uma economia regional e a falta de impulso que ela sofre. o setor de negócios.

Na reunião, foi declarado que a região permanece a mesma de anos atrás: falta de investimentos, falta de conexão territorial, acesso à rodovia, trem, isolamento da comunicação, atração de investidores, problemas de organização e planejamento territorial da região, a importância de trabalhar em rede e em conjunto ou os problemas devido à falta de agilidade e excesso de burocracia administrativa; questões que paralisam a economia da região e sobre as quais não há ação.

Rosa Cardona afirmou na reunião telemática que "não devemos deixar passar mais tempo, é hora de consertar os erros existentes e ressurgir economicamente com os recursos próprios que esta região desperdiçou".

O porta-voz do Partido Popular de Xàbia ressalta que as qualidades da região garantem que o turismo será nosso objetivo econômico, mas que precisa de cuidados especiais da administração para ser atraente, e isso não é desculpa para deixar de fora os setores que sempre estiveram na região e foram depreciados, é hora de aproveitar a restauração da região para promover nossos produtos locais, é hora de pensar na transformação de nossos produtos agrícolas e da pesca, criar cooperativas de nossos produtos, de sua transformação e venda.

Cardona afirma que é hora dos Planos Gerais deixarem de ser o freio de nosso crescimento. Ter um plano geral aprovado é uma utopia; portanto, os municípios devem ampliar seus olhos e permitir a criação de uma propriedade industrial ou comercial, municipal ou regional, viável; que a classificação de terras agrícolas não desenvolvidas protegidas tem sido a desculpa para não construir, por não ter uma terra terciária, mas em nenhum momento essa classificação foi feita para promover a agricultura, ou que sentido há no município de Jávea em terra Não é permitida a construção de barracões de implementos, com essas medidas é evidente que não há intenção de promover a agricultura.

Rosa Cardona indica que, para sair dessa crise, devemos também valorizar o papel da locação de casas para turistas, pois todo o setor de serviços depende delas. Além disso, o aluguel de casas de turismo é uma garantia para promover um turismo mais seguro.

O CEDMA pede esclarecimentos sobre a aceleração das licenças de planejamento urbano, a fim de permitir declarações responsáveis, a fim de ativar todo o setor de serviços o mais rápido possível. Também informa que é necessário contratar um emprego para qualquer atividade e, para isso, é solicitado que você confie em obras públicas e civis, para recuperar fundos europeus. A construção pode reativar a economia, mas a industrialização regional não deve ser negligenciada, pois a indústria responde de maneira diferente e é um setor que permanece em constante equilíbrio.

De acordo com o Círculo de Empresários de Marina Alta, "as empresas desconhecem as medidas sanitárias, é necessário um guia simples para a abertura das empresas, para que as inspeções das empresas se tornem conselhos e não multas, a fim de passar pelas fases de descalcificação, pois é essencial para a reativação econômico ".

Cardona diz que "O compromisso do CEDMA é vigiar os empresários e os trabalhadores independentes, qualquer que seja seu setor econômico, eles manifestaram a falta de liderança por parte da administração e da vontade política. Do Partido Popular, é claro que os empresários precisam de medidas claras, que o A administração deve responder da mesma maneira que empregadores e freelancers respondem gerando emprego e tirando o país e nossa região de todas as crises econômicas e porque não há política social melhor do que aquela que gera emprego ".

Deixe um comentário

    27.755
    1.833
    6.942
    552
    Utilizamos cookies próprios e de terceiros para oferecer publicidade personalizada e coletar dados estatísticos. Se você continuar navegando, consideramos que você aceita nossos política de biscoitos.